segunda-feira, 29 de setembro de 2008

Magalhães é um sucesso

Não interessa de quem foi a ideia, onde é fabricado, quem é que o pensou primeiro: está nas mãos de quem interessa e... é isso que interessa.

Não o vi ainda à venda, mas há já quem o tenha visto e analisado as reacções do público. Paulo Querido é insuspeito nestas andanças e não é dos que se deixam impressionar ou levar facilmente.

Está tudo aqui e, de alguma forma, também aqui.

Sem comentários: