domingo, 22 de novembro de 2009

Portugal é n.º 1 no e-gov europeu

 

Em 5 anos, Portugal passou de 16.º para 1.º lugar em termos de e-government, resultado directo do esforço realizado através do Plano Tecnológico e, especificamente no que diz respeito à Administração Pública, do SIMPLEX.

Plano Tecnológico que alguns, por ignorância ou má-fé, disseram em tempos não passar de “um PowerPoint”.

É triste, mas é verdade: continuamos a dar ênfase a tudo o que é má notícia, mesmo que não seja relevante na “fotografia” geral do país, e muito pouco – mesmo muito pouco – destaque ao que de positivo se vai fazendo, que a nível público, quer a nível dos privados.

Como se salientar o que está mal, seja obrigação e noticiar o que se faz bem fosse propaganda.

E depois, queixamos-nos de ser um povo deprimido e derrotista…

2 comentários:

Anónimo disse...

Só é pena que por exemplo quem tenha cartao de cidadão não consiga votar por falta de meios nas mesas de voto para ler os mesmos.
Estou a favor das novas tecnologias mas acho que não se deve ficar pela metade, ou seja quando se implementa algo tem de ser até ao fim.

António Eduardo Marques disse...

Caro Anónimo.
É preciso começar por algum lado. O que é lamentável é vermos sempre o copo meio vazio...