segunda-feira, 9 de abril de 2012

Como criar um email @live.com

Nos primórdios da Internet comercial (ou seja, entre 1994 e 1996), quem queria ter um endereço de correio electrónico tinha de se contentar com o que o seu provedor de acesso lhe dava. Ou seja, algo como qualquercoisa@telepac.pt (mais tarde @mail.telepac.pt) ou o equivalente do seu ISP.

O pior é que em muitos casos não era sequer possível escolher qual o nome antes de @o_meu_isp.pt, bastando para tal que alguém antes de nós tivesse registado o nosso nome, ou nickname favorito.

As coisas mudaram radicalmente com a invenção do webmail: uma caixa de correio electrónico, e respectivo endereço, claro, acessível a partir de qualquer browser.

Foi assim que milhões de pessoas passaram a ter endereços de email alternativos e, em muitos casos, também formas de se expressarem, podendo mais facilmente criar várias "personas" electrónicas. O webmail tem também várias outras vantagens: pode ser acedido a partir de qualquer dispositivo equipado com um browser e podemos mantê-lo mesmo quando mudamos de ISP.

A julgar pelos emails que recebo, 90% das pessoas usam webmail @gmail.com (criado pela Google em 2004) e @hotmail.com (adquirido pela Microsoft em 1997). Há ainda algumas que usam o email da Yahoo! (criado a partir da compra do Rocketmail, também em 1997). O resto – contabilizado a partir dos emails que recebo – é residual.

O primeiro é mais hip mas começa a ser menos, à medida que mais pessoas o usam. O Hotmail, que já foi muito mau, é hoje muito bom (não acredite em mim, se já lá não vão há muito tempo, confirme com os seus olhos) mas está conotado com o pessoal mais velho e tecnologicamente menos conhecedor. Quanto ao Yahoo!, o problema passa mais por saber se estará cá nos próximos anos.

A alternativa Live.com


Existe uma alternativa interessante sob a forma de um endereço @live.com. Trata-se de um alias ao serviço Hotmail, com a vantagem de usar exactamente a mesma (excelente) interface e serviços mas ser um endereço menos batido e sem conotações negativas.
Mas  há um problema. Se navegarem até www.live.com para criarem um endereço novo, o mais certo é que surjam duas opções: criar um novo endereço @hotmail.com (que é a predefinição) e a opção de criar um endereço... @live.com.pt – o que não é tão cool como @live.com, de alguma forma deitando por terra a intenção original de ter um endereço que mais ninguém tem.

O problema é que o site detecta as definições do browser (no Internet Explorer, não testei noutros browsers porque não os uso) e apresenta automaticamente o domínio correspondente ao país de origem.

O truque consiste em forçar o browser a apresentar-se como proveniente dos EUA, o que é fácil porque o site live.com limita-se a detectar as definições do browser mas não o endereço IP, por exemplo, o que tornaria as coisas mais complicadas.

Fazer isto é simples. Basta aceder às Opções da Internet (funciona em IE 7, 8, 9 e, presumivelemente, 10) e adicionar como idioma Inglês (Estados Unidos) [en-US] (ver imagem). Além disso, se tiver outros idiomas instalados, certifique-se de que este que acabou de colocar é o primeiro da lista, clicando nos botões Mover para Cima e Mover para Baixo, caso contrário não resulta.
Depois é só clicar em OK, fechar o browser a voltar a abri-lo, navegando até www.live.com e clicar no botão Sign-Up.

Não esquecer que o que nos vai ser proposto por default é criar um novo email @hotmail.com. Mas basta clicar na caixa para surgir a opção @live.com (ver imagem na abertura deste post).

A vantagem adicional é que, como este domínio é pouco usado para criação de endereços em Portugal, o mais certo é conseguir registar efectivamente o nome que pretende, ou muito próximo disso, em vez de ter de aceitar algo mais rocambolesco.

P.S.: Esta dica tem outra vantagem: permitem que nos seja exibida a página inglesa de websites que nos exibem automaticamente a página portuguesa (mal traduzida e mal adaptada...) sempre que os visitamos.
P.P.S.: Para quem prefere o Yahoo! há uma alternativa, sob a forma de endereços @ymail.com, que são um domínio alternatico do Yahoo! e que também usam a mesma interface e tecnologia.

Sem comentários: